terça-feira, 12 de novembro de 2013

Judeus e Cristãos Novos em Travanca (cont.)



No seguimento da última publicação feita sobre Judeus e Cristãos novos em Travanca de Lagos, levou-me, uma vez mais, a percorrer a zona histórica, à procura de  novas inscrições cruciformes, nas fachadas e ombreiras das portas, tendo sido surpreendido novamente com mais elementos. A rua da junta da freguesia,  que se inicia com a casa do meu amigo Paulo Madeira, onde já se tinha encontrado uma inscrição cruciforme, apresenta outras casas com fachadas muito interessantes (fig. 1 e 2) e em duas delas encontrei uma cruz. A primeira é junto à ombreira de um portão (fig. 3 e 4) e a segunda inscrição cruciforme é na ombreira da porta da casa em frente (fig.7). Embora seja bastante ténue a sua impressão, é encimada no lintel por uma data - 1743 e uma inscrição que não consigo interpretar, muito estranha, o que torna o conjunto bastante interessante (fig.5 e 6). Outro facto relevante , é que, segundo o Paulo Madeira,  outrora esta casa pertenceu à mesma família que detinha a sua casa . Do seu  pátio ainda se observa  uma porta tapada da outra casa, outrora provavelmente manteriam ligação entre elas. Ao fundo da rua encontra-se uma outra casa, tendo na fachada, junto ao cunhal, um nicho com uma escultura de um  santo, que penso pertencer à mesma família (fig. 8). Estes elementos  característicos do culto cristão, como são exemplo as cruzes e as imagens de  santos, nas fachadas das casas são muitas vezes associados, por diversos autores, aos cristãos novos, que na tentativa de afirmarem a sua nova prática religiosa, exteriorizavam esta simbologia.




fig. 1 




fig.2



fig. 3 - cruz na ombreira do portão



fig. 4 -  detalhe da  fig. anterior



fig.5 - casa em frente, com cruz e inscrição



fig. 6 - pormenor da inscrição e data



fig.7 -  detalhe da cruz


fig. 8 - casa  do fundo, com o santo no cunhal

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Travanca antiga

fig. 1



Umas curiosas pedras sulcadas, tipo goteira, que se destacam nas fachadas de algumas casas em Travanca, chamam a atenção.  Parecem ser uns adereços bastante antigos, de aspeto medieval. Identifiquei quatro exemplares, em vários locais de Travanca, todas muito parecidas, quer no tamanho, quer na forma, denotando poderem ser da mesma época. São estruturas usadas para o escoamento de águas, mas no caso concreto, descobri que servem para canalizar para o exterior, longe da parede, as escorrências que provêm das pias da cozinha. Fazem, portanto, parte de um conjunto que se compõe de pia em pedra e sistema de esgoto. Dos quatro conjuntos encontrados, um já não tem pia, que segundo o proprietário, foi removida  nos anos 70 (fig. 2).

fig. 2 - goteira sem pia

Outro dos exemplares está completo (fig. 3,4 e 5), no entanto a casa encontra-se abandonada, infelizmente muito degradada, tendo uma data inscrita de 1694/9 (fig. 6). 

fig.3 -  goteira vista de frente

fig.4 - goteira vista de perfil

fig. 5 -  pia


fig. 6 - inscrição de data

Em relação aos  outros 2 conjuntos, um apresenta a pia, ainda que atualmente não sirva esse fim (fig. 8 e 9), a outra ainda não tive a oportunidade de entrar dentro da casa, para confirmar se forma um conjunto completo (fig. 10).  

fig. 8 - goteira com pia


fig. 9 -  pormenor da  pia


fig. 10